Páginas

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Metas 2017

Olá, humanos. Estou um pouco lenta por aqui, sabem como é... janeiro, verão, fixação por sol, praia, piscina e bronzeadores. Normal que o primeiro post do ano venha 24 dias depois, né? Eu amo Janeiro. É quando eu sinto as férias de verdade. As pessoas se mudam para a praia, a cidade fica mais vazia, o trânsito melhora. Uma paz bem delicinha... :) Finalmente sinto o tempo passando mais devagar e a sensação de ser atropelada pela vida já se foi.

Vamos falar sobre o ano passado que, pra muitos, foi um desastre. Comecei o ano cheia das expectativas, planos, ideias e boa vontade. Mudei hábitos de consumo, fiz promessas, passei a separar o lixo de casa, saí do emprego, enfrentei crises de identidade, me afastei de gente e fortaleci laços mais substanciais. Mas foi o ano que eu senti a melhor sensação de dever cumprido da vida e o que antes parecia perdido deu lugar à maravilhosa sensação de que tudo está se encaminhando. As limitações viraram planos. E nossa, quantos planos! Tantas ideias que brotam aqui nesse único cérebro que fica difícil acompanhá-las. Foi como se meus neurônios tivessem ganhado alforria e pudessem finalmente serem gastos em outras coisas. hehe

Consegui cumprir a maioria das metas, entretanto, outras precisaram ser estrategicamente adiadas. Separei 10 resoluções para expor aqui e, ao final do ano, quero dar check em todas elas. Já disse que quando exponho a coisa fica séria, né?

Meta nº1 - Procrastinar menos.

e7305c5bc2f2f29e44e347d84ca9a935:

Sou mestre em acumular tarefas, infelizmente. Não me orgulho nada disso, mas é o meu jeitinho. 

Meta nº2 - Cumprir orçamento.

Clique na foto e veja dicas para juntar dinheiro para viajar!:

Ok, sou fissurada em planejamento. Ainda não fui chamada no concurso, porém meu orçamento está feito há pelo menos 2 meses e eu já sei como irei gastar cada centavinho. #antecipada

Meta nº3 - Reduzir tempo online.

Because of Savannah by Sarah Patt.  www.sarahpatt.com:

Necessidade vital, apenas. Redes sociais estão chatas.

Meta nº4 - Reformar quarto.

Blog Achados de Decoração: QUARTO CASAL:

Esse plano é antigo, acho que esse ano sai. 

Meta nº5 - Cultivar plantas.

Os terrários com suculentas estão super em alta na decoração de ambientes, Eles dão um toque de charme e são muito simples de fazer. Veja o passo a passo!:

Já tenho algumas e quero mais, o plano é fazer uma mini horta vertical. Descobri que plantar me acalma... coisa boa, né? Tô sempre precisando de calma e o mundo, de árvores. Junção perfeita sim, ou com certeza?

Meta nº6 - Comprar bike.

Inspirational commuting style RG @citywomancycle:

Transporte ativo né, mores? Eu adoro andar de bike, mas atualmente só faço isso quando vou ao interior visitar meus avós. Quero adotar como meio de transporte principal na cidade grande e economizar o planeta e gasolina.

Meta nº7 - Organizar alimentação.

Essa disposição colorida de proteínas e vegetais. | 31 fotos de marmitas que são ridiculamente maravilhosas:

Cozinhar não é muito o meu talento, mas a necessidade obriga. Não gosto de comer mal, meu estômago reclama e eu tenho que cuidar disso. Gosto de praticidade e o plano é cozinhar uma vez na semana, já testei uma vez e olha que maravilha: não morri.

Meta nº8 - Exercícios regularmente ao ar livre.

Headphones for when I run:

Moro ao lado de um dos parques da cidade, tá na hora de desfrutar mais desse privilégio. 

Meta nº9 - Ver mais filmes e documentários edificantes.

Tanto esse quanto de volta a Lagoa azul...marcaram época pra mim:

Nem só de futilidade se faz a vida. Ei, a lagoa azul é legal!

Meta nº10 - Doar sangue.

Campanha alerta a necessidade de doar de sangue no fim do ano:

Acreditam que eu não tenho o peso mínimo? Preciso ganhar uns 2kg pra fazer isso, como perco fácil, farei esse sacrifício umas 2 vezes nesse ano.

Por hoje é só, pessoal. 

*Todas as imagens foram retiradas do pinterest.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Memória inesquecível

Quando decidi estudar pra concurso, posso afirmar convictamente que foi a decisão mais difícil que tomei na vida e, sem dúvidas, a mais complicada de sustentar também. Foram incontáveis as vezes que não me achei capaz e quis desistir, ignorando todo meu progresso. Parei e retomei. Mas, ao longo da trajetória, aprendi tanta coisa, tanta... até os prazos da 8112, de última hora, antes da prova. Fechei. Caíram 3 questões de prazo. A primeira fase foi apertadinha, errei questões bestas e passei arrastada (como na escola), mas fui adiante.

Eu achava que iria demorar mais e, ao contrário dos prazos da lei, os da agenda do candidato eu não havia prestado tanta atenção. Até que, um belo dia, estava em casa sem saco pra estudar, enchendo um carrinho de compras online e, ao olhar meu celular, fui surpreendida com 3 ligações da minha irmã e uma mensagem: "ME LIGUE, URGENTE". Deitei na cama imaginando as piores catástrofes e, claro que não tinha crédito pra fazer ligações, respondi a mensagem: Pode ligar.

Tocou.

-Oi, o que foi?
-Por que não atendeu?
-Tava no computador e o celular no silencioso e sem vibrar, não vi. O QUE FOI?
-Ah, tu viu que saiu o resultado da prova discursiva?
-O QUÊÊÊÊÊÊÊ? Não era só dia 18?????? 
Queria ir no computador olhar, mas eu tremia dos pés a cabeça, a vista escureceu e eu não ouvia mais nada direito.
-Não, dia 18 sai o resultado final, o da discursiva saiu hoje.
-E aííííííí? 
-Tu tirou 10. 
-O QUÊÊÊÊÊÊÊÊ???????????? (Empurrando o celular contra o ouvido, esperando ouvir melhor, tava difícil.)
-Foi, você tirou 10!
Essa hora eu já estava me encaminhando pra cozinha para reabastecer minha garrafa de água, e lembro de surgirem umas vontades estranhas de coisas que jamais faria em sã consciência, como a de jogar o celular pela janela, por exemplo. Despenquei no choro, não consegui engolir a água, eu suava e tremia sem parar. Por um momento achei que fosse falecer antes da posse. Enquanto isso ela me chamava:
-Alô? Aloooow?
-OOOOOOOOOOOI! Tem certeza que sou eu? Tá brincando? (Voltou a fala)
-Seu nome é Jéssyca de Sousa Gonçalves? 
-SIIIIIIIM, disso ainda não esqueci!
-É você sim, parabéns! Para o seu cargo só 4 pessoas fecharam a discursiva!

...

15 min de choro.



E, ao menos para mim, foi completamente desconstruída a ideia de que 13 é um número de azar.

Existem dias melhores e piores, todos sabemos disso. Existem momentos ou etapas nas quais não encontramos um rumo claro, temos dúvidas demais ou estamos emocionalmente inativos ou decepcionados. Diante disso, pode ser que busquemos grandes soluções em busca da felicidade ou do equilíbrio pessoal, e a chave pode estar na gratidão. Para ser feliz é preciso reunir um conjunto de elementos em nosso mundo interior e em nosso entorno. Não é um caminho fácil. É preciso trabalhar na felicidade para ...:
,GOD.